Ex-vereador de Areia Branca Thalys Araújo morre aos 33 anos vítima da Covid-19



O início de tarde desta sexta-feira, 18, em Areia Branca, foi marcado por um triste registro: a morte do ex-vereador Thalys Nylma Mendonça de Araújo, 33 anos, vítima da Covid-19. A notícia logo se espalhou, causando grande comoção nos meios político e empresarial, já que o ex-edil atuava na empresa da família especializada em construção e pavimentação asfáltica de vias urbanas e rodovias.

Conforme informações de familiares, Thalys Araújo havia sido diagnosticado com o vírus e desde então se encontrava em tratamento hospitalar, mas não resistiu aos efeitos da infecção causada pelo coronavírus.

Thalys Araújo exerceu o mandato de vereador na Câmara Municipal de Areia Branca no período de 2008 a 2012. Nos últimos  anos permaneceu na política e participando dos processos eleitorais.

Nas eleições de 2020 ele tentou retornar ao Legislativo municipal, mas não obteve êxito. Concorrendo pelo Partido Liberal (PL), teve 317 Votos .

Atenção Vale do Açu: Pensou em energia solar fale com a Cosertec e conheça a nova parceria



A Concertec de Assu celebraou essa semana uma importante parceria na área de Energia Solar com a empresa Taldi Engenharia de Mossoró uma gigante desse segmento.
A partir de agora a Concertec é  representante de vendas autorizada da Taldi Engenharia para Assú e toda região, essa foi uma importante parceria pensando no bem esta de todos, na geração de energia limpa e na redução nos custos da energia solar para sua casa, empresa e outros estabelecimentos.
A empresa a Consertec atua no mercado e no ramo de segurança eletrônica desde 1997.
Fale conosco atravez do zap 99894-3624 Conheça a seguir algumas promoções que vão até o dia 30 desse mês, confira:







Posse confirmada: Francisco Faustino assumirá a prefeitura de Porto do Mangue domingo dia 20 às 09 horas


O presidente da Câmara Municipal de Porto do Mangue, Izidro Gonçalves Monteiro Júnior, convocou oficialmente os vereadores a comparecerem à Sessão Extraordinária no dia 20 de junho de 2021-Domingo, às 09:00 horas, para o ato solene de posse do Francisco Faustino, atual vice-prefeito, no cargo de prefeito interino, pelo prazo de 90 dias, após afastamento cautelar do prefeito Hipoliton Sael Holanda Melo.  

Compartilhe nosso link nos grupos de Whatsap https://alzamircardoso.blogspot.com/

Divulgado o boletim epidemiológico de hoje (18), veja os números:




Compartilhe nosso link nos grupos de Whatsap https://alzamircardoso.blogspot.com/

 

As buscam continuam: Já são dez dias as buscas para capturar Lázaro Bardosa


 

A força-tarefa responsável pela operação é composta por mais de 400 policiais e está sediada no distrito de Girassol, em Cocalzinho-GO, cidade interiorana onde reside o pai de Lázaro.  

Na noite de ontem (dia 17), o secretário de Segurança de Goiás, Rodney Miranda, informou que o procurado foi visto três vezes por testemunhas. 

O momento de maior movimentação ocorreu por volta das 16:30, quando a equipe de policiais chegou a trocar tiros com Lázaro. 

“A área é muito grande, ele conhece muito bem, ele é mateiro […] mas está cansado e está acuado. Cansado e acuado, ele fica mais perigoso, mas fica mais suscetível à nossa chegada”, informou o secretário. 


Em tempo: Com medo do assassino, muitos moradores de Girassol deixaram o município. 

Acompanhando os fatos: Câmara de Porto do Mangue deverá empossar o vice-prefeito Francisco Faustino segunda-feira




O presidente da Câmara Municipal de Porto do Mangue, vereador Izidro Gonçalves Monteiro Júnior, já recebeu notificação da Promotoria Pública para dar posse ao vice-prefeito Francisco Faustino no cargo da chefia do poder executivo, após afastamento do prefeito Sael Melo, por 90 dias. O ato de posse provavelmente acontecerá na segunda-feira (21), as 9h da manhã.  



Porto do Mangue: "Operação terceiro mandamento" do Ministério Público afasta o prefeito do cargo temporariamente



 

O prefeito de Porto do Mangue, Hipoliton Sael Holanda Melo (MDB), foi afastado do cargo em operação do Ministério Público Estadual (MPRN) que apura fraudes em contratos da Prefeitura. O gerente contábil do município, Elizeu Dantas de Melo Neto, também foi afastado do cargo.

A operação Terceiro Mandamento, detonada nesta sexta-feira (18), cumpriu nove mandados de busca e apreensão nas cidades de Porto do Mangue, Mossoró, Parnamirim e Macaíba. Ao todo, nove promotores de Justiça, 20 servidores do MPRN e 56 policiais militares participaram da ação.

As investigações sobre o suposto esquema fraudulento foram iniciadas em 2020. A suspeita é que uma empresa do ramo de comércio de materiais de construção, de nome fantasia “Deus é Amor”, estaria sendo utilizada pelo prefeito, pelo gerente contábil e por outras pessoas cometimento de fraudes. Desde 2018, essa empresa de material de construção foi contratada por pelo menos 8 ocasiões pela Prefeitura, recebendo a quantia de R$ 2.342.005,67 a título de remuneração decorrente dos contratos públicos firmados.

As suspeitas de fraudes ganham força quando se observa o local se situa o estabelecimento da empresa: uma casa simples com um improvisado letreiro “Material de Construção Deus é amor”.

As investigações do MPRN apontam para a suspeita da existência de um grupo criminoso, gerido pela alta cúpula da Administração Municipal, voltado à utilização de empresa de fachada para o firmamento de vultosos contratos com o Município de Porto do Mangue.

Além disso, o prefeito e gerente contábil do Município de Porto do Mangue têm conseguido prejudicar/retardar as investigações. Isso porque reiteradamente se recusam a fornecer os documentos requisitados, relativos aos contratos sob suspeita – fatos que, em si mesmos, podem inclusive configurar crime.

Além do afastamento de seus cargos, Hipoliton Sael Holanda Melo e Elizeu Dantas de Melo Neto foram proibidos pelo Tribunal de Justiça de entrar ou permanecer, ainda que para visitação, nas dependências da sede do Poder Executivo Municipal de Porto do Mangue, bem como quaisquer órgãos ou secretarias municipais situadas em prédios diversos.

Também foi determinada a suspensão das atividades da empresa de material de construção Deus é Amor e de todos os contratos firmados pela empresa com o Município de Porto do Mangue. Da mesma forma, o Município está proibido de fazer qualquer pagamento à essa empresa.

O vice-prefeito deverá ser intimado para tomar posse no cargo de prefeito em até 48 horas ou comunicar, no mesmo prazo, sua renúncia ou outra causa de impedimento legalmente prevista.

O prefeito Sael Melo foi reeleito em 2020 com 52,44% dos votos válidos (2.222), derrotando o adversário Magnus Domingo (PL), que recebeu 47,56% dos votos (2.015).

O vice-prefeito de Porto do Mangue é Francisco Faustino.

Fonte:Defato


Ex-vereador de Areia Branca Thalys Araújo morre aos 33 anos vítima da Covid-19 O início de tarde desta sexta-feira, 18, em Areia Branca, foi...